Total de visualizações de página

Follow by Email

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Mu Carvalho - 1985 (Vynyl to CD) Meu continente encontrado



Mu Carvalho - Meu Continente Perdido
1985 Carmo LPC-012

01 - O Despertar Dos Mágicos
02 - Toda A Felicidade Pra Você
03 - O Elefante Equilibrista
04 - O Continente Perdido De Mu
05 - Bruno E Daniel
06 - Valsa Do Amor
07 - Essa É Pra "Cor"
08 - Escuta Esse Chorinho
09 - O Sanfoneiro Mais Rápido Do Oeste
10 - Meu Continente Encontrado

01 - O Despertar Dos Mágicos (Mu Carvalho) 
Egberto Gismonti - programação eletrônica
Mu Carvalho - teclados

02 - Toda A Felicidade Pra Você (Mu Carvalho)
Egberto Gismonti - programação eletrônica
Mu Carvalho - teclados
Part. Especial:
Egberto Gismonti - piano, teclados 

03 - O Elefante Equilibrista (Mu Carvalho) 
Egberto Gismonti : Programação Eletrônica
Mu Carvalho - teclados
Part. Especial:
Egberto Gismonti - piano, teclados

04 - O Continente Perdido De Mu (Mu Carvalho) 
Mu Carvalho - piano elétrico

05 - Bruno E Daniel (Mu Carvalho) 
Egberto Gismonti - programação eletrônica
Mu Carvalho - teclados

06 - Valsa Do Amor (Mu Carvalho)
Mu Carvalho - piano
Part. Especial:
Luiz Eça : piano

07 - Essa É Pra "Cor"  (Mu Carvalho)
Part. Especial(ais):
Egberto Gismonti - piano
Zé Luiz Segneri - saxofone soprano

08 - Escuta Esse Chorinho (Mu Carvalho) 
Egberto Gismonti : Programação Eletrônica
Mu Carvalho - teclados
Part. Especial:
Egberto Gismonti - piano, teclados

09 - O Sanfoneiro Mais Rápido Do Oeste  (Mu Carvalho)
Egberto Gismonti - programação eletrônica
Mu Carvalho - teclados

10 - Meu Continente Encontrado (Mu Carvalho) (Maurício Magalhães Carvalho) 
Mu Carvalho - piano


Mu (Maurício Magalhães Carvalho)          

Heloisa Tapajós - Em 1985, você lançou seu primeiro disco solo, “Meu continente encontrado”, que foi produzido por um grande nome da nossa música: Egberto Gismonti. Como foi esse encontro musical?

Mú Carvalho - Outra escola da minha vida. Como você sabe, eu sou autodidata. Mas venho aprendendo assim, nesses encontros. O Egberto se identificou com o meu trabalho instrumental e me convidou para gravar um disco para o seu selo Carmo


Heloisa Tapajós - Eu queria que você falasse um pouco sobre a sua discografia solo. O LP “Meu continente encontrado” tem uma linguagem própria dos anos 80 e nunca foi relançado em CD - embora eu seja constantemente indagada sobre onde esse disco pode ser encontrado. Seus outros dois trabalhos, “O pianista do cinema mudo”, de 2002, e “Óleo sobre tela”, que acaba de chegar às lojas, mostram uma mesma griffe, tanto na composição quanto na interpretação. Em ambos você está cercado de participações instrumentais luxuosas. 

Mú Carvalho - É isso mesmo. No “Continente” (“Meu continente encontrado”, Carmo, 1985), usamos muita bateria programada, teclados com a sonoridade dos anos 80... E apesar de ter a marca das minhas composições, me dá uma certa agonia ouvi-lo atualmente. Mas foi o meu primeiro trabalho e eu me orgulho assim mesmo. Acho que tem o seu valor naquele contexto da época e, além disso, o luxo do Egberto.

Heloisa Tapajós - E ainda a participação do Luizinho (Eça)... Disco pra colecionador! (risos)

Heloisa Tapajós
Rio, dezembro de 2005
(trecho daentrevista concedida pelo pianista, compositor e produtor musical Mú Carvalho à pesquisadora Heloisa Tapajós)

Nenhum comentário:

Postar um comentário