Total de visualizações de página

Follow by Email

sábado, 10 de agosto de 2013

Zumbira e os Palmares - 2007 Rocksamba


Zumbira e os Palmares - Rocksamba
2007 Independente

01 – Não tem Choro (Zumbira)   
02 – Despertador(Zumbira-Rodrigo Susin)   
03 - Deixar o Tempo Mostrar o Caminho (Zumbira)   
04 - Na Fragilidade do Olhar(Zumbira)   
05 - Nada Mais (Zumbira)   
06 - Ciência da Persistência (Zumbira-Rodrigo Muralha)   
07 - No Puedo (Zumbira-Rodrigo Susin)   
08 - A Moeda (Zumbira)   
09 - Ordens pra seguir (Zumbira)   
10 - Pierot de cinzas (Zumbira-Ana Hoffmann)   
11 - Ainda bem que eu tenho a nega (Zumbira-Rodrigo Susin)   
12 - Trovão chama os orixás (Zumbira-Marcos Delgado)   
13 - O bem de qualquer alguém (Zumbira)   

Zumbira - voz,guitarra
André Lucciano - bateria
Christian Badino - baixo
Rodrigo Susin - percussão
Rodrigo Muralha - percussão, backing Vocals
Guilherme Schwalm - Guitarra, efeitos
Chico Ferreti - teclados  

Participações especiais:  
Juliano ZB e Slap Stoned (Proveitosa Prática) - metais (1)
Gerson Klein - sax (1) 
Marcelo Fruet - guitarra solo (7)
Diego Vitoretti - guitarra solo (5)  
Alemão Loco - guitarra e efeitos (1,9,11)
Gerson Klein - sax (1)   

_______

Ficha Técnica - CD ROCKSAMBA    

Nome do CD: ROCKSAMBA
Data da gravação: 2004/2005/2006  
Gravado por: Marcelo Fruet, no Estúdio 12 (RS)
Mixado por: Marcelo Fruet, no Estúdio 12 (RS)
Masterizado por: Marcelo Fruet e Zumbira e os Palmares
Produzido por: Marcelo Fruet e Zumbira e os Palmares
Assistente de Produção: Otávio Lokshin  
_______

Release do CD – ROCKSAMBA  

O século XX foi o período histórico em que as gravadoras multinacionais deram as cartas no mercado fonográfico mundial e, através de estratégias monopolistas, dominaram a produção e comercialização de música em todo o planeta. Mas, na transição entre os séculos XX e XXI, o mundo conheceu um "boom" tecnológico que talvez só encontre paralelo histórico na revolução industrial, a revolução digital, que introduziu uma profunda mudança cultural nos hábitos de produção e consumo de música, desencadeando uma crise sem precedentes na história da indústria fonográfica.    

Diante desse quadro, acredito que, dentro de pouco tempo, os novos artistas não precisarão mais das gravadoras para fazer sucesso, assim como já não precisam delas para produzir discos de primeira qualidade. A prova disso é "Rocksamba", CD de estréia da banda gaúcha Zumbira e os Palmares, que o MP3magazine está lançando com exclusividade. Gravado de forma totalmente independente, "Rocksamba" consegue um resultado técnico comparável a qualquer CD de gravadora multinacional, com o benefício de não ter sofrido interferências na produção artística.    

Da concepção musical à arte gráfica, passando pelo título, "Rocksamba" é um trabalho honesto e bem feito, além de extremamente meticuloso no conceito. A proposta é produzir pop/rock dançante com raízes brasileiras, ou, como prefere o próprio Zumbira, vocalista da banda: "rock/pop genuinamente brasileiro". Este conceito está estampado na capa do CD, que traz uma caricatura da saudosa Carmen Miranda - símbolo maior do "made in Brazil" - com um piercing na língua. A sacada é genial, pois "Rocksamba é exatamente isso: hambúrguer com sabor de feijoada completa.    

Subvertendo a lógica do "samba-rock", gênero criado e eternizado por Jorge Ben, a Zumbira toma o rock como base para inserir elementos diversos, dos quais o samba é certamente a presença mais fluente, embora esteja longe de ser a única. Bem mais do que a simples junção entre dois gêneros, "Rocksamba" é uma conjunção de influências tão diversas quanto funk, reggae, disco, ritmos latinos e inúmeras outras. Talvez o resultado seja um pop/rock mais latino do que "genuinamente brasileiro" como a banda desejava, mas, sem dúvida, é um trabalho autêntico, com linguagem e identidade próprias.    

O CD é bom do começo ao fim, portanto não seria coerente destacar esta ou aquela faixa, mas, para que se tenha uma idéia de todo o conceito que o envolve, a faixa "Ainda bem que eu tenho a nega" é simplesmente perfeita, pois une a malemolência do samba à visceralidade das guitarras, produzindo um efeito sonoro deliciosamente dançante. As letras inteligentes de Zumbira e a excelente produção de Marcelo Fruet - nome cada vez mais solicitado entre os independentes do Sul do país - merecem destaque, mas este é um assunto com volume suficiente para render uma nova matéria. 
  
_______ 
  

Zumbira e os Palmares
  

Conceito e História da Banda

A partir da mistura do rock com sambas brasileiros e algumas pitadas de rap e reggae, aliados à poesia romântica, mas também de forte crítica social, a banda Zumbira e os Palmares propõe um novo jeito de fazer música original e livre de preconceitos.

Nessa fusão de idéias, influências e gêneros musicais diferentes, encontra-se a essência da sonoridade da banda.

Formada em março de 2000 na Faculdade de Comunicação da UFRGS em Porto Alegre, a banda é composta por: Zumbira (guitarra, violão, voz, e composições), Andre Lucciano (bateria), Christian Badino (baixo), Guilherme Schwalm (guitarra e efeitos), Rodrigo de Castro (Muralha) (percussão e backing vocals), Rodrigo Susin (percussão e letras).

Com um CD DEMO lançado em 2001, chamado Rock + Samba + Psicodelia, e um single lançado no final de 2002 (Na Fragilidade do Olhar - música com grande execução nas rádios de Porto Alegre), a banda conquistou espaço no cenário musical da capital gaúcha.

Posteriormente em 2003 lançou novo single que outra vez foi muito bem recebido chamado Ainda Bem que eu Tenho a Nega, música muito executada nas rádios e festas de Porto Alegre.

Em 2005 a banda  lançou seu terceiro single intitulado Não Tem Choro que mistura disco, soul music e a malandragem brasileira numa música feita pra dançar e se divertir.

Em abril de 2007 a Zumbira e os Palmares lançam seu primeiro CD entitulado ROCKSAMBA, com lançamento feito no Bar Opinião , uma das maiores casas de shows de Porto Alegre, com publico estimado de 1500 pessoas, o CD é comercializado em todo o sul do pais com apoio das Lojas Multisom, CD esse esgotado nas lojas em menos de 3 meses, tambem foi lançado CD para paises como CUBA, Argentina e alguns paises da europa .


A Zumbira segue com Shows pela capital do Rio Grande do Sul e Interior, e atualmente esta na pré produção  para o proximo CD.

Nenhum comentário:

Postar um comentário